Publicada em 24/06/2022, às 13h35 | Atualizada em 24/06/2022, às 13h44

Por Brunella França (blfrancaeira$4h064+pref.seme.vitoria.es.gov.br), com edição de Andreza Lopes

Com a colaboração de Luis Oliveira

Artistas do rap capixaba conversam com estudantes sobre respeito e sonhos


Luis Oliveira
Artistas do rap capixaba na Emef Professora Maria Stella de Novaes
Artistas do rap capixaba participam de bate papo com estudantes da Emef Professora Maria Stella de Novaes. (ampliar)

Um bate-papo sobre sonhos, futuro e respeito ao próximo. A Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Professora Maria Stella de Novaes, que fica no bairro Grande Vitória, convidou artistas do rap capixaba para uma conversa com mais de 300 estudantes das turmas do 6º ao 9º ano. Eles falaram sobre desafios, expectativas, futuro nos estudos e projetos de vida.

Os artistas convidados foram os rappers do projeto "batalha do 9", junto ao rapper capixaba Mc Noventa, famoso nacionalmente por suas músicas e vídeos em batalhas de rima. Ele é o idealista do projeto que, além de realizar batalhas pela cidade de Vitória, tem visitado escolas por todo o Espírito Santo, promovendo conceitos e reflexões sobre inclusão, igualdade, respeito e sonhos.

Assim que chegaram ao auditório da unidade de ensino, eles logo foram sentar à mesa com os estudantes que integram o projeto rádio escola. Eles realizaram uma entrevista coletiva com o grupo, em que perguntaram sobre música, sonhos, vivência que os rappers tiveram na escola enquanto eram estudantes e muito mais.

Luis Oliveira
Artistas do rap capixaba na Emef Professora Maria Stella de Novaes

Em seguida, os artistas fizeram uma demonstração de batalha de rima, mas com uma proposta diferente. Eles propuseram aos estudantes que fosse realizada uma batalha de elogios, em que o vencedor seria aquele que fizesse as melhores rimas tecendo elogios ao adversário. Após esse momento, o Mc Noventa propôs aos estudantes uma dinâmica em que eles deveriam elogiar o colega que estava sentado ao seu lado.

João Pedro, estudante do 7º ano, ficou empolgado em conhecer de perto os artistas e, além disso, ter a oportunidade de entrevistá-los por meio do projeto rádio escola. "A participação deles foi ótima com os entrevistadores, nos preparamos muito para este momento e foi muito especial. Aprendi várias coisas com eles, como a sua trajetória de luta, persistência e valorização da cultura", contou.

Exemplo

Antes de se tornar o Mc Noventa, João Paulo Soares estudou o ensino fundamental na Emef Alberto de Almeida, em Santo Antônio. Ele falou sobre a importância de levar um pouco de sua vivência e história para os estudantes nas escolas.

Luis Oliveira
Artistas do rap capixaba na Emef Professora Maria Stella de Novaes

"São estudantes que vivem em uma realidade muito semelhante a todos nós que viemos aqui hoje. A cultura nos alcançou, a arte nos alcançou, e por isso considero que temos uma dívida de gratidão com elas, por isso tento fazer um pouco do que um dia fizeram comigo, estimular sonhos, possibilidades. É uma oportunidade, acima de tudo, de proporcionar aos outros aquilo que um dia me resgatou", disse.

Motivação

Professora de Língua Portuguesa e Práticas Experimentais, Isadora Carvalho falou sobre a iniciativa de convidar os artistas para conversar com os estudantes.

"Isso é muito importante para eles. Devido à realidade em que vivem, vejo que muitas vezes eles têm sonhos pequenos ou não acreditam que podem realizá-los. Trazer os MCs aqui é uma forma de materializar que esses sonhos são possíveis, uma vez que são pessoas que vieram do mesmo lugar que eles e conseguiram alcançar seus sonhos", explica.

Prefeitura Municipal de Vitória
Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 1.927
Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945
Telefone: (27) 99510-3044 - Protocolo Geral
(Atendimento ao público de 08 às 17 horas)